Home » Não é apenas o álcool! Saiba quais são as outras causas da cirrose

Profº Luiz Carneiro D'Albuquerque - CRM: 22.761

Cv Lattes   GoogleMyCitations  ResearcherID  ORCID

Última atualização em 28/08/2020 por Prof Luiz Carneiro

Não é apenas o álcool! Saiba quais são as outras causas da cirrose

Quando falamos em cirrose, logo relacionamos a doença ao consumo exagerado e frequente de bebidas alcoólicas. Porém, nem sempre é somente o álcool em excesso que pode fazer mal para a saúde, e prejudicar as funções do fígado. Quer saber quais são as outras causas da cirrose? Continue acompanhando o post de hoje!

As causas da cirrose hepática

A cirrose hepática é uma doença que se caracteriza pela inflamação crônica do fígado, e apresenta rápida progressão, resultando na formação de fibrose (endurecimento do tecido), prejudicando assim as funções do órgão.

São várias as causas da cirrose, e conforme dito anteriormente, não é apenas a ingestão de bebidas alcoólicas em excesso que pode provocar o problema. Abaixo, listamos algumas outras causas, dentre várias outras existentes.

Hepatites virais B e C

As hepatites B e C são provocadas por vírus, e podem ser transmitidas pelo contato sexual, ou por meio do compartilhamento de objetos que estejam contaminados, entre eles, agulhas, alicates de manicure e seringas.

Ambas são doenças infecciosas que afetam as células do fígado, e quando não são tratadas precocemente, podem levar o indivíduo a uma inflamação crônica do órgão, desencadeando a cirrose hepática.

Os sintomas são parecidos para os dois tipos, sendo a manifestação aguda com mal estar, náusea, vômitos; e da cronicidade da doença podendo apresentar complicações relacionadas a cirrose como: cor amarelada dos olhos, liquido abdominal entre outros.

Hepatite Autoimune

A hepatite autoimune é a inflamação crônica provocada pela reação das células de defesa do corpo. Estas passam a atacar o fígado, e afetam diretamente o funcionamento do órgão.

A doença é mais comum em mulheres antes dos 30 anos de idade, e pode ter relações com alterações genéticas e hereditárias ou seja, presença familiares com a mesma doenças ou outras doenças uto imunes associadas.

Uso de medicamentos

Alguns medicamentos, quando utilizados em excesso, podem chegar a provocar inflamação hepática. Isso ocorre devido à grande quantidade de substâncias que se instalam no corpo, e assim o fígado não consegue metabolizá-las. Esse acúmulo de substâncias pode ser de forma aguda (grande quantidade em pouco tempo) ou substancias sendo consumidas por longo período de tempo.

Por isso, é importante sempre seguir as orientações do médico especialista, e principalmente, evitar o hábito de se automedicar.

Gostou do post? Deixe o seu comentário!

Clique no sino do canto inferior esquerdo para receber notificações!

         por Dr. Luiz Carneiro D’Alburquerque

CRM 22.761    

 

 

 

 

 

 

 

      por Dr. Luiz Carneiro

D’Albuquerque

CRM 22.761    

3 Comentários

  1. Carlos Maria do Nascimento

    Dr Carneiro
    Você é além de excelente MÉDICO é um grande ser humano!
    Sou testemunha de seu trabalho! Salvou minha vida!
    Obrigado 🙏🏻

    Responder
  2. Alfredo Esteves Torres Garavelo

    Parabéns Sr. Dr. Carneiro pelo Blog, sempre atualizado e obrigado por ensinar alunos a salvarem vidas e a disseminar a importância da doação de órgãos.

    Abs

    Alfredo Garavelo

    Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 3 =

Base-Side-Bar-Figado
Entre em Contato | Prof. Dr. Luiz Caneiro
× Agendar Consulta.