5 sintomas de pedra na vesícula

Última atualização em 14/09/2021 por Prof Luiz Carneiro
• Tempo estimado de leitura: 4 minutos

Home » 5 sintomas de pedra na vesícula

A vesícula biliar é um pequeno órgão em forma de saco que participa do processo de digestão dos alimentos. Ela armazena e libera a bile no intestino. Quando ocorrem alterações na composição dessa substância, se formam as pedras, pólipos e discinesia da vesícula biliar provocando sintomas como dor abdominal, azia, náuseas e vômitos.

A imagem mostra uma ilustração da vesícula.

A função da vesícula biliar é armazenar a bile, um líquido que participa do processo de digestão dos alimentos. No entanto, alguns fatores, como a alta do colesterol, podem alterar a composição da bile e favorecer a formação de cálculos biliares, as famosas pedras na vesícula.

Quando isso acontece, ocorre um quadro de colelitíase. Essa condição provoca diversos sintomas, sendo o principal deles a dor abdominal. Além dos desconfortos, as pedras na vesícula podem obstruir o ducto cístico, impedindo a passagem da bile para o intestino.

Como consequência, os sintomas se intensificam, e ainda pode acontecer a colecistite aguda, um tipo de inflamação que acomete a vesícula biliar. Por isso, os casos de pedras na vesícula precisam ser diagnosticados e tratados.

Observar a manifestação dos sintomas e saber identificar que eles não são naturais é muito importante para buscar ajuda médica e evitar complicações. Neste artigo apresentamos para você os principais sinais de colelitíase para que possa monitorar sua própria saúde. Acompanhe.

1. Dor abdominal

O principal sintoma de pedra na vesícula é a dor abdominal. Ela é uma dor intensa que se manifesta de repente, localizada logo abaixo das costelas e do lado direito do corpo. No entanto, pode irradiar para outras partes, provocando dor nas costas.

Essa manifestação dolorosa recebe o nome de cólica biliar. Geralmente, dura entre 30 e 120 minutos após uma refeição. O problema pode ser ainda mais intenso nas pessoas que adotam uma dieta rica em gorduras porque a função da bile é fazer a digestão delas.

Então, ao ingerir alimentos gordurosos, o organismo sente necessidade de liberar mais bile, porém, as pedras na vesícula dificultam esse processo. Além disso, como explicamos, pode ocorrer a obstrução do ducto, impedindo a passagem da bile e aumentando a dor.

2. Falta de apetite

A falta de apetite também está entre os sintomas de pedra na vesícula. Essa reação acontece em especial por causa dos desconfortos provocados após as refeições, fazendo com que o indivíduo não sinta vontade de comer, já que sabe que terá dor e mal-estar por causa disso.

Mas não se trata apenas de uma recusa voluntária. A falta de apetite ocorre porque o sistema digestivo também está se sentindo cansado devido a todo o esforço que precisa realizar para digerir os alimentos.

3. Náuseas e vômitos

Os casos de pedra na vesícula biliar desequilibram todo o processo de digestão dos alimentos. Como você viu, causam desconfortos e dores abdominais, além da sensação de indigestão. Por isso, as cólicas podem vir acompanhadas por náuseas e vômitos.

Outro motivo para ocorrência desse sintoma é a obstrução do ducto que conduz a bile. Como há um impedimento para a liberação dessa substância, o organismo sente dificuldade para digerir os alimentos, em especial os gordurosos, como explicamos, e acaba rejeitando o conteúdo estomacal.

4. Azia

É muito comum a ocorrência de azia em todos os problemas relacionados com o trato digestivo. Esse sintoma é mais conhecido como queimação, e vai ocorrer como uma das consequências da formação de pedras na vesícula.

Para que os alimentos sejam digeridos, o estômago libera ácidos. Quando as pedras interferem nesse processo de digestão, ele se torna mais lento, o que começa a provocar desconfortos devido a essa concentração de ácidos.

5. Sensação de estufamento

Mais um dos sintomas de pedra na vesícula relatados por quem tem esse problema é a sensação de estufamento, deixando a impressão de que o estômago continua cheio por bastante tempo, ou de que há uma distensão no abdômen.

Essa sensação acontece porque, como dito, o processo de digestão dos alimentos fica mais lento por causa da dificuldade para liberar a bile. Isso provoca atrasos na digestão e a pessoa tem uma sensação de saciedade prolongada e de que há acúmulo de gases.

Agora que você já sabe quais os sintomas de pedra na vesícula é importante ter atenção para que possa identificá-los e buscar ajuda médica. Lembrando que eles ocorrem em especial após as refeições e podem ser ainda mais desconfortáveis depois de ingerir gorduras.

0 comentários
Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito − 4 =

Prof. Dr. Luiz Carneiro
Sobre o Autor

Prof. Dr. Luiz Carneiro CRM: 22.761/SP, diretor do Serviço de Transplante e Cirurgia do Fígado do Hospital das Clínicas, professor da FMUSP e chefe do Departamento de Gastroenterologia da FMUSP.

GoogleMyCitations

 Cv Lattes

ResearcherID

ORCID

Base-Side-Bar-Figado
Entre em Contato | Prof. Dr. Luiz Caneiro

Posts Relacionados

× Agendar Consulta.