Home » Pólipo na vesícula: quando operar?


Profº Luiz Carneiro
Cv Lattes    GoogleMyCitations   ResearcherID   ORCID
CRM: 22.761
 

Pólipo na vesícula: quando operar?

Pólipos na vesícula são muito frequentes, mas você sabe o que é pólipo? É uma formação que se dá na mucosa da vesícula e forma uma verruga. A grande maioria é de colesterol, benigna e pequena.

Pólipo pode ser maligno? Quando devemos retirar a vesícula?

Existem dados mostrando que quando esse pólipo é maior que 0,5 cm, ele tem risco de malignidade e devemos pensar em fazer a ressecção da vesícula.

Se você tinha um pólipo com 0,2 cm e ele foi crescendo até chegar em 0,5 cm, é melhor operar.

Outra coisa é que quando esses pólipos de colesterol acontecem muitas vezes, é porque a vesícula está doente.

Nessas situações, nós devemos retirar a vesícula porque ela está doente e porque o paciente têm muitos sintomas associados à inflamação crônica da vesícula e não ao pólipo. Em contra partida, se o doente não sentir nada, o pólipo deve ser apenas acompanhado.

Clique no sino do canto inferior esquerdo para receber notificações!

 
 

         por Dr. Luiz Carneiro D'Alburquerque

CRM 22.761    

 

 

 

 

 

 

      por Dr. Luiz Carneiro

D'Albuquerque

CRM 22.761    

2 Comentários

  1. Olá Prof. Luiz, muito boa sua explicação sobre pólipo na vesícula.
    Recentemente fui ao Urologista fazer um checkup e fiz um Ultra-son de abdomen total, e apareceu o seguinte diagnóstico:

    “Vesícula biliar de volume normal, paredes finas, com imagem de aspecto polipóide, fixa, de 5,0mm e conteúdo anecóico”.

    Porém, nunca senti nada de anormal.

    Fui então a outro médico cirurgião, e ele comentou que devo retirar a vesícula.

    Devo procurar um segundo médico para ver a opinião dele?

    Grato

    Responder
    • Olá, Jonecir. Acho interessante buscar uma segunda opinião, mais por desencargo de consciência!

      Responder

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Prof. Dr. Luiz Carneiro

Diretor da Divisão de Transplantes de Fígado e Orgãos do Aparelho Digestivo do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP

TIRE SUAS DÚVIDAS

Share This
× Agendar Consulta.