Logo | Dr. Luiz Carneiro CRM 22761
Home RobóticaContato

Hérnia Incisional: como funciona o tratamento?

A Hérnia incisional é um dos tipos de hérnia que se desenvolve no abdômen, quando já foi realizada uma cirurgia nessa região e surge no local da cicatriz. Ocorre uma falha na parede abdominal e através deste orifício, órgãos podem sair de dentro da cavidade abdominal.

hernia incisional como funciona o tratamento prof dr luiz carneiro bg Prof Dr. Luiz Carneiro

No post de hoje, vamos falar um pouco mais sobre o assunto e como funciona o tratamento. Continue nos acompanhando!

O que pode causar a Hérnia Incisional?

Conforme dissemos, a hérnia incisional pode se desenvolver após procedimento cirúrgico na região do abdômen, por conta da tensão em excesso, cicatrização inadequada ou infecção do local.  

Existem outros fatores que podem contribuir com o seu surgimento. Entre eles, podemos destacar:

  • Tabagismo;
  • Excesso de peso/obesidade;
  • O uso de medicamentos imunossupressores; uso de corticoides;
  • Ter diabetes.

Quais os sintomas de Hérnia Incisional?

O abaulamento junto da cicatriz na região abdominal é o principal indício de hérnia incisional. Outros sintomas associados a essa condição são dor e desconforto no local, náuseas, vômito e parada de evacuação. 

Em geral, os sintomas surgem alguns meses depois da cirurgia e esse tipo de hérnia pode ser observado quando o indivíduo está em pé ou pegando peso.

Qual o tratamento para Hérnia Incisional?

Antes de indicar o tratamento, é feita uma avaliação pela equipe médica para saber a localização, tamanho, posição da hérnia incisional e estado de saúde do paciente. A cirurgia é a melhor opção para tratar o problema.

Assim sendo, são solicitados alguns exames pré-operatórios, como laboratoriais, coagulograma, hemograma, e exames de imagem. A partir do resultado, é indicado o melhor tipo de cirurgia.

Basicamente, existem três tipos de cirurgia de hérnia incisional: cirurgia convencional aberta, por vídeo laparoscopia e robótica.

O objetivo da cirurgia é a aproximação dos músculos da parede abdominal, e a colocação de um reforço, a tela de polipropileno, para impedir que surja uma nova falha na parede abdominal e que os órgãos passem novamente.

É possível evitar a Hérnia Incisional?

A recomendação principal para que os riscos de hérnia incisional sejam minimizados, é interromper o tabagismo antes da cirurgia, e seguir as orientações de repouso de seu médico no pós-operatório.  

Vale ressaltar que, ao notar qualquer indício de inchaço ou nódulo no abdômen, o médico deve ser consultado imediatamente.

Quer entender sobre outros tipos de hérnia? Veja outros conteúdos em nosso blog. Enquanto isso, aproveite e compartilhe o post de hoje! 

Dúvidas? Deixe o seu comentário abaixo!

Gostou? Compartilhe!
dr Luiz Carneiro

Profº Dr.Luiz Carneiro

CRM: 22.761/SP

Diretor do Serviço de Transplante e Cirurgia do Fígado do Hospital das Clínicas, professor da FMUSP e chefe do Departamento de Gastroenterologia da FMUSP.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

magnifiercrossmenuchevron-down