Logo | Dr. Luiz Carneiro CRM 22761
Home RobóticaContato

Câncer no fígado – Só o médico pode avaliar as imagens dos exames

Todo contraste é Câncer? - Por Prof. Dr. Luiz Carneiro

- Quando o fígado humano capta um contraste, há chance de ser câncer?

A gente sempre tem que ver a imagem dentro do contexto clínico. Esse aspecto é muito importante. Muitas vezes, as pessoas vêm aqui em pânico porque tem um nódulo que não capta, mas depende do contexto. Existem algumas doenças, um cisto pode não captar naquela área e é extremamente benigno. Dentro do outro contexto, se é um fígado normal e tem uma lesão que não capta, pode ser um tumor.

Por outro lado, se o paciente tem uma cirrose, o câncer se caracteriza porque ele capta muito mais que a outra área. Então, cada tumor tem um comportamento biológico, um tipo de reação ou contraste.

Então, é importante que isso seja discutido com o seu médico, porque depende do contexto. Muitas vezes, pacientes chegam desesperados e não é câncer e outras vezes, o paciente acha que é normal, não se preocupa e quando chega, a lesão já cresceu, não tem mais jeito.

Por isso, sempre oriento: quando tiver uma imagem, leve seu exame ao médico que se interprete dentro do seu contexto clínico-radiológico, dentro da imagem mais a interpretação clínica.

Uma imagem de um conteúdo sólido num ultrassom isoladamente não tem muito valor. Pode ser uma doença benigna que nesse aspecto existem tumores benignos que têm esse aspecto como hiperplasia, adenomas, eventualmente, os hemangiomas. São lesões benignas, seu médico é que vai analisar e pedir uma imagem complementar.

Para nós, o padrão hoje, quando é possível, é a ressonância magnética que vai definir essas lesões com maior clareza. Muitas vezes não se tem acesso a isso e a tomografia ajuda bastante.  Se bem que o padrão ouro, o diagnóstico definitivo para as lesões sólidas no fígado é a ressonância magnética. Mas vale a estória clínica, o padrão familiar. Não adianta ver a imagem e entrar em pânico.

Vá ao médico e provavelmente, ele pedirá uma segunda imagem complementar.

- Uma simples ultrassonografia pode detectar um câncer no fígado?

Pode ser detectado, mas o técnico nunca dará uma certeza. Em fígado, para se ter a imagem definitiva, devemos fazer uma tomografia ou ressonância que injeta contraste, e revelará o resultado.

Confira também, nosso vídeo sobre o tema:

Gostou? Compartilhe!
dr Luiz Carneiro

Profº Dr.Luiz Carneiro

CRM: 22.761/SP

Diretor do Serviço de Transplante e Cirurgia do Fígado do Hospital das Clínicas, professor da FMUSP e chefe do Departamento de Gastroenterologia da FMUSP.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

18 comments on “Câncer no fígado – Só o médico pode avaliar as imagens dos exames”

  1. Entao doutor que queria uma opiniao .minha mae esta com uma mestatasse no figado estava diminuido e agr aumentou o q podera ser feito no caso dela ?

  2. Boa tarde
    fiz uma ressonancia e o resultado foi: Destaca-se pequeno nódulo hipervascular subcapsular na transição entre o segmentos IV e VIII, medindo aproximadamente 0,9 cm de diâmetro, com "washout" nas fases subsequentes, sem sinais de conteúdo gorduroso intraplasmático. Padrão vascular intra-hepático anatômico ou cicatriz central.
    qual a chance de ser maligno? Qual a conduta correta: acompanhamento ou biopsia?

  3. bom dia gostaria, de informações sobre valores, meu pai esta com câncer de figado em estagio avançado, somos de MANAUS-AM, gostaria de saber como funciona o transplante de figado com doador vivo quais os critérios?

    1. É necessário passar em consulta com um especialista, somente assim poderemos avaliar se existe Indicação de transplante intervivos. Agende uma consulta.
      Espero ter ajudado, obrigado por me acompanhar e compartilhe o post para manter outras pessoas informadas!

      1. Ele não responde nada. Tenho um adenomas inflamatorioso medindo 6 cm é outro de 3 e outro de 2 e tem escrito lesoes hipervascelulares hepaticas o que e isso

  4. Coisa chata melhor esse doutor nem responder as pessoas querem uma opinião dele e manda ir procurar pelo médico aff

    1. Olá, Amanda. Infelizmente existe uma lei que proíbe consulta online. Eu tento ajudar na medida do possível sem infringir a lei. De qualquer forma, peço desculpas pelo mal entendimento.

magnifiercrossmenuchevron-down