Home » Gastrectomia para obesidade


Profº Luiz Carneiro
Cv Lattes    GoogleMyCitations   ResearcherID   ORCID
CRM: 22.761
 

Gastrectomia para obesidade

Gastrectomia é a retirada de uma parte do estômago para que os doentes obesos percam peso após o procedimento. Existem dois tipos de cirurgias mais comuns, a gastrectomia sleeve e a bypass. Conheça suas vantagens e desvantagens.

Gastrectomia sleeve

Esse procedimento é o mais feito atualmente, conhecido também como gastrectomia vertical. Essa cirurgia consiste na retirada de grande parte do estômago fazendo com que esse órgão se transforme num tubo diminuindo o seu tamanho. Além disso, também é retirado o fundo do estômago onde tem o reflexo da fome, levando a uma sensação de saciedade, ou seja, tira a vontade de comer.

Essa cirurgia mantém o tubo do estômago, porém, com o tempo esse tubo pode dilatar e os doentes acabam ganhando peso. Portanto, antes de realizar a gastrectomia, os doentes precisam passar por uma seleção psicológica para saber que precisarão manter uma restrição alimentar muito grande em longo prazo.

A vantagem da gastrectomia sleeve é a facilidade, pois não é necessário repor vitaminas e uma série de outros nutrientes.

Gastrectomia bypass

A gastrectomia bypass retira grande parte do estômago, quase que o estômago inteiro, resultando apenas uma pequena reservatória, em torno de 50 ml, e é feita uma emenda com o intestino.

Nesse caso, a perda de peso é maior e mais permanente, e o doente tem capacidade de comer muito mais. Contudo, nós indicamos naqueles pacientes que precisam de uma perda de peso maior que 40%.

O inconveniente é que esses doentes precisam de reposição de vitaminas e nutrientes pelo resto da vida. Caso contrário, podem gerar déficits de vitaminas, e de nutrientes que são essenciais para a vida.

Bibliografia:

Bariatric surgery (sleeve gastrectomy) after liver transplantation: case report

PAJECKI, DENIS ; CESCONETTO, DANIELLE MENEZES ; MACACARI, RODRIGO ; JOAQUIM, HENRIQUE ; Andraus, Wellington ; CLEVA, ROBERTO DE ; SANTO, MARCO AURELIO ; ALBUQUERQUE, LUIZ AUGUSTO CARNEIRO D’ ; Cecconello, Ivan .

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

 
 

         por Dr. Luiz Carneiro D'Alburquerque

CRM 22.761    

 

 

 

 

 

 

      por Dr. Luiz Carneiro

D'Albuquerque

CRM 22.761    

Prof. Dr. Luiz Carneiro

Diretor da Divisão de Transplantes de Fígado e Orgãos do Aparelho Digestivo do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP

TIRE SUAS DÚVIDAS

Share This
× Agendar Consulta.