Lama biliar: sintomas e tratamento

Lama biliar e jejum prolongado

Normalmente, quando você tem um jejum prolongado, muito longo e fica muitas horas sem comer, a vesícula fica muito grande porque produz e armazena a bile para que a vesícula seja contraída e mande essa bile para digerir o seu alimento, pois a bile ajuda na digestão dos alimentos.

Então, quando você fica muitas horas em jejum, a bile perde água porque a mucosa da vesícula puxa a água para torná-la mais forte e deixá-la mais pura, gosmenta e barrosa. Pode ser um termo que a gente usa às vezes em um jejum muito prolongado.

Pacientes que ficam na UTI internados com alguma doença que precisa ficar durante alguns dias em jejum, é comum no ultrassom que se descreva lama biliar.

Nós sabemos que essa lama biliar não tem problema porque é associada ao jejum prolongado ou alguma situação associada àquele período de tratamento em que o doente se encontra.

Diferentemente dos pacientes que podem ter em função de uma bile doente a formação dessa bile mais espessa e que vai virar pedra, que vai virar cálculo, assim, você pode ter sintoma.

 

Sintomas da lama biliar

O sintoma mais clássico é de digestão difícil, a pessoa fica empanzinada porque a vesícula não consegue esvaziar aquele muco gelatinoso e denso, e a bile não vai fazer a digestão.

A digestão é mais lenta, o doente pode ter sintoma e ficar empanzinado, empachado, comer um pouquinho de gordura e fritura e ficar negociando com esse bolo alimentar durante horas.

Isso faz com que ele procure um médico e se caso no ultrassom dê lama biliar, isso sim pode ser a causa do seu sintoma.

 

Tratamento da lama biliar

Após analisar se é causa única, devemos tratar, pois existem medicamentos que podem fluidificar a bile, o mais comum é o ácido ursodesoxicólico, mas é um tratamento contínuo e muito longo.

Em geral, o que a gente recomenda é se o sintoma for muito forte e associado à lama biliar, nós podemos indicar a retirada da vesícula desde que não seja por um jejum prolongado, aquela situação clínica que nós falamos.

Então, o sintoma seria aquela digestão difícil, empachamento, a pessoa come um pouquinho e fica satisfeita e repleta, negociando com o seu alimento por horas e isso pode ser um mau funcionamento da vesícula em função dessa lama biliar.

Clique no sino do canto inferior direito para receber notificações!

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Prof. Dr. Luiz Carneiro

Diretor da Divisão de Transplantes de Fígado e Orgãos do Aparelho Digestivo do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP

TIRE SUAS DÚVIDAS

agsdi-whatsapp
Share This