Transplante de útero, inédito no mundo, permite nascimento de bebê em São Paulo

Transplante de útero, inédito no mundo, permite nascimento de bebê em São Paulo

Equipe do Professor Luiz Carneiro da USP é responsável por transplante de útero, inédito no mundo, que permite o nascimento de uma criança.

O parto ocorreu no Hospital das Clínicas na tarde da última sexta-feira, 15 de dezembro. A cesárea foi comemorada pela família e principalmente pelas equipes de Transplantes Hepáticos e Ginecologia do HC da Faculdade de Medicina da USP.

Sem precedentes, o transplante de útero de doadora com morte cerebral se deu há 15 meses em uma mulher de 32 anos, que nasceu sem o órgão reprodutor.

No ano passado, a paciente que não quer ser identificada foi selecionada em meio a portadores da Síndrome de Rokitansky, onde há ausência genética do útero.

O bebê saudável foi concebido com fertilização em vitro num processo de reprodução assistida.

Para o Diretor da Divisão de Transplantes de Fígado e Órgãos do Aparelho Digestivo do HC da USP, o transplante de útero de mulher com morte cerebral abre um precedente inédito na ciência já que dispensa a cirurgia em um doador vivo e por consequência, o risco de complicações.

Tão logo o bebê nasceu, o útero foi retirado para que a paciente pare de tomar remédios contra rejeição ao transplante.

Acompanhe a cobertura exclusiva do programa Fantástico, clique aqui.

 

Prof. Dr. Luiz Carneiro
Diretor da Divisão de Transplantes de Fígado e Orgãos do Aparelho Digestivo do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP
TIRE SUAS DÚVIDAS